quinta-feira, 1 de fevereiro de 2007

Momento de Poesia

Palavra de Amor

Joeldo Holanda

Amor é resto de palavra
Que insiste em se recompor
E quando a palavra fala
Silêncio cala - é o amor.

Amor é palavra surda
Cheia de dor e esplendor
Infame, rasa, absurda
Assim é palavra de amor.

Amor é palavra solta
Da boca do criador.
E, se o som sai, e não volta
Palavra é bater-se à porta
Silêncio é falar de amor.

Nenhum comentário: