terça-feira, 22 de janeiro de 2008

Será que posso?

Visitar lugares antigos e novos?
Sorrir, abraçar, ser gentil?
Tentar, insistir, desistir?
Andar, correr, parar?
Mudar de opinião?

Ser quem quiser?
Sentir prazer?
Perdoar?
Viver?

Um comentário:

Edson Marques disse...

Luelena,



você pode tudo!


Abraços, flores, estrelas...