terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Finalmente!

Luiza Helena

Tenho certeza que momentos melhores virão,
dias ensolarados e tranquilos,
com cheiro de flores e som de pássaros.

Poderei finalmente passear
num lugar cheio de verde por todos os lados,
ouvir o som suave de um pequeno riacho
que corre faceiramente pelo leito de pedras
mergulhar na água transparente e limpa,

sentir o suave aroma de flores,
respirar o ar puro e fresco,

experimentar do fruto maduro e doce,
sentar à sombra de uma árvore caudalosa,
sentir a brisa soprar sua semente, as folhas e flores.

Vou sair de férias!
Aproveitarei cada minuto de descanso e alegria!

Tenho certeza que em breve poderei
finalmente escrever bem bonito
falando do grande amor que sinto

por Deus, pela vida, e as pessoas.

terça-feira, 22 de janeiro de 2008

Será que posso?

Visitar lugares antigos e novos?
Sorrir, abraçar, ser gentil?
Tentar, insistir, desistir?
Andar, correr, parar?
Mudar de opinião?

Ser quem quiser?
Sentir prazer?
Perdoar?
Viver?

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

sexta-feira, 4 de janeiro de 2008

Um grande Abraço!

Você sabia que um abraço pode significar muito?
Pode revelar o que você sente pela pessoa que abraça ou até mesmo como você se expressa.
Entre outros que existem, destaco três tipos de abraços:
O abraço de urso:
aquele que você abraça de frente, bem apertado,
O abraço de canguru:
aquele que você abraça de frente mas nem toca (mantém uma certa distância),
O abraço de lado... é esse mesmo, tipo tapinha nas costas.
Que tipo de abraço você dá?
Você abraça ou sempre espera ser abraçado?
Que tipo de abraço você tem recebido?
Um abraço pode significar...
"Tenho saudades", ou então "Vou me lembrar de você".
Pode também querer dizer:
"Você é muito especial", ou, melhor ainda: "Eu amo você..."
Um abraço pode muitas coisas...
Há quem acredite que abraçar seja uma ótima terapia contra a tristeza e a depressão, pois o abraço seria muito mais do que um simples "apertão" de braços, e que no momento que abraçamos afetuosamente a quem apreciamos, transmitimos ali emoções como o amor e a paz.
Parece um milagre, todas as coisas que um simples abraço pode fazer!

Um abraço eterno
Fontes:
Wikipédia - pt.wikipedia.org/wiki/Abraço
http://noticias.uol.com.br/ultnot/reuters/2007/02/06/ult729u64556.jhtm
www.mensagensvirtuais.com.br/

Hoje nem sei o que falar, mas no dia 27/12/2005 eu dizia...

Luiza Helena
"Hoje o dia amanheceu até bonitinho, mas logo apareceram aquelas nuvens cinza escuro, pra não dizer negras. Já perceberam como às vezes o dia parece cinza mesmo antes de chover?
Estou falando não só do tempo físico, temperatura e previsão do tempo; mas, do clima emocional. Meus sentimentos às vezes se parecem com a natureza, ou serão influenciados pela estação do ano?
No dia ensolarado, parece que fico um pouco mais alegre, aberta a novas experiências, com expectativas otimistas... Não sei como dizer... Quando estou triste, parece que vejo tudo à minha volta como se fosse cinzento, negativo. Se chover então...
Penso que às vezes esse fenômeno também acontece ao contrário, se estou meio triste, meio nervosa, ou meio alguma coisa, diversas outras coisas acontecem... Se não melhorar, piora tudo de uma vez. Não pensem que estou pessimista, mas especialmente sensível a perceber as nuvens cinzas do céu.
Entendo que a internet, ou blogosfera existe pra se colocar idéias, pensamentos, argumentos e discussões. Aproveitando, estou colocando aqui o que me perturba para não precisar mais pensar sobre isso. Estou esvaziando minha cabeça dos pensamentos "trouxas" que eu teimo em carregar comigo.
Sei que o mundo é colorido, cinzento, branco ou negro, dependendo de quem olha, e como olha. Concordo quando dizem que colhemos o que plantamos, mas às vezes gostaria de ter a sabedoria de reconhecer os tipos de semente, aprender a discernir as boas das ruins. Para não cometer duas vezes o mesmo erro de plantar espinho em vez de flores."

Será possível?

As flores e os espinhos se completam. Onde nasce a pedra, nasce também o inatingível, a beleza de uma tarde sertaneja, da correnteza da chuva que acabou de cair. Nada é só pedra, nada é só espinho. Disponível em: http://cultura-na-moda.blogspot.com/